Pós-folia: Agências do Trabalhador ofertam 18,7 mil vagas em todo o Estado

Agência Estadual de Notícias – As Agências do Trabalhador do Paraná e postos avançados ofertam 18.762 vagas de emprego com carteira assinada no Estado depois do recesso de Carnaval. A maior parte é para auxiliar de linha de produção, com 3.809 oportunidades. Na sequência, aparecem as funções de operador de telemarketing receptivo, com 528 vagas, safrista, com 464, e abatedor de porco, com 430.

A Região de Cascavel (Oeste) concentra o maior volume de postos de trabalho disponíveis (4.739). São 807 vagas para auxiliar de linha de produção, 380 para abatedor de porco, 260 para operador de processo de produção e 178 para monitor agrícola. 

A Grande Curitiba aparece em seguida (4.722), com 528 oportunidades para operador de telemarketing receptivo, 427 para repositor de mercadorias, 411 para operador de telemarketing ativo e receptivo e 268 para auxiliar de linha de produção.

Na Capital, a Agência do Trabalhador Central oferta 138 vagas para preenchimento imediato: vendedor interno (62), pedreiro (23), vendedor porta a porta (23), servente de obras (22) e motorista de ônibus rodoviário (8).

As regiões de Londrina (1.990), Foz do Iguaçu (1.472), Pato Branco (1.324) e Maringá (1.262) também ofertam grandes oportunidades. Em Londrina, no Norte do Estado, as funções que lideram as ofertas são auxiliar de linha de produção, com 473 vagas, safrista, com 109, alimentador de linha de produção, com 106, e ajudante de carga e descarga de mercadoria, com 54 oportunidades.

Em Foz do Iguaçu, no Oeste, os destaques são para auxiliar de linha de produção (392), alimentador de linha de produção (134), servente de obras (77) e operador de caixa (74).

Na região de Pato Branco, no Sudoeste, há oferta de emprego para as funções de auxiliar de linha de produção, com 265 oportunidades, magarefe, com 76, safrista, com 75, operador de processo de produção, com 72.

Em Maringá, no Noroeste, são ofertadas 429 vagas para auxiliar de linha de produção, 120 para montador de equipamentos elétricos, 112 para operador de máquinas fixas e 90 para magarefe.

ATENDIMENTO – Os interessados devem buscar orientações entrando em contato com a unidade da Agência do Trabalhador de seu município. Para evitar aglomeração, a sugestão é que o atendimento seja feito com horário marcado. O agendamento deve ser feito AQUI.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.