Operação Protetor apreende 1.350 kg de maconha

Polícia paranaense intensifica a fiscalização e desarticula grupos criminosos

Mais de 1.350 quilos de maconha foram apreendidos no Paraná nesta terça-feira (25) em duas ações policiais, ambas no âmbito da Operação Protetor das Divisas e Fronteiras. Uma delas foi em Cruzeiro do Oeste, Noroeste do Estado, onde a Polícia Militar, por meio do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron), apreendeu um veículo roubado e 883 quilos de substância análoga à maconha. A outra foi uma ação conjunta da PMPR e a Polícia Federal, na região de Guaíra (Oeste). Foram apreendidos 469,5 quilos da droga.

Coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública e realizada nas fronteiras e divisas, a Operação Protetor tem o objetivo de desarticular grupos criminosos e reduzir a circulação de drogas, principalmente em rota de contrabando de mercadorias ilícitas. “O sucesso desta operação demonstra a importância da colaboração entre unidades especializadas da polícia e o uso de tecnologias e treinamento avançado, como o trabalho de cães farejadores, no combate ao crime organizado”, disse o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jefferson Silva.

Em Cruzeiro do Oeste a ação teve início quando os policiais avistaram o veículo suspeito e deram voz de abordagem utilizando sinais sonoros e luminosos. O condutor não obedeceu e iniciou uma fuga pela rodovia, liberando fumaça com um dispositivo no intuito de dificultar a visão e a perseguição policial. Após passar pelo posto da Polícia Rodoviária Estadual de Cruzeiro do Oeste, o motorista perdeu o controle do veículo, saiu da rodovia e abandonou o automóvel para fugir a pé. Uma verificação no sistema policial revelou que o veículo possuía alerta de roubo.

Em Guaíra foram encontrados 469,5 kg de maconha. Os policiais, em ação integrada com agentes do Núcleo Especial de Polícia Marítima (NEPOM/PF), estavam monitorando estradas rurais quando descobriram diversos volumes de substância análoga à maconha escondidos em meio à mata. Após a pesagem da carga, foi confirmada a quantidade expressiva do entorpecente.

A operação foi realizada por volta das 6h30min, horário em que as equipes estavam atentas aos movimentos suspeitos na região. O material apreendido foi encaminhado à Delegacia de Polícia Federal de Guaíra, onde serão realizados os procedimentos subsequentes.

Os agentes destacaram a importância da operação e a eficácia da colaboração entre as diferentes forças de segurança. Segundo eles, operações como essa são fundamentais para desarticular as redes criminosas que atuam nas fronteiras, dificultando a entrada e a distribuição de drogas no país. As autoridades reforçam a importância da participação da comunidade no fornecimento de informações que possam ajudar na identificação de atividades ilícitas.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.